Confira

Confira a lista completa de agências

Saiba por que contratar uma agência associada é a solução mais adequada do mercado.

  • Capuccino Digital
  • hashTAG
  • Futurelab
  • AD.Dialeto
  • DIGY Web Estratégias Digitais E-Commerce SEO Marketing Digital
  • Punto Comunicação Multimeios
  • Conteúdo Online
  • SEO Marketing
  • Agência Orange Five – AO5
  • Dainet
  • e/ou
  • Conversion
  • Agência Pulso
  • Carranca
  • Digital Industry

Seu banana, seu blogueiro!




Seu banana, seu blogueiro!

Numa das últimas edições da revista Veja (data de capa – 16 de julho de 2008), o escritor Diogo Mainardi, na sua coluna “Nassif, o banana”, ofende, com fina ironia, um de seus desafetos, o jornalista Luis Nassif, chamando-o de “blogueiro”.

Diz ainda, que Nassif se “refugiou” (sic)  na internet onde seu passado era desconhecido e onde faz um blog no iG para meia-dúzia (sic) de leitores.

Lógico que isso tudo misturado com outros adjetivos e denúncias que mostram a ira do Mainardi contra o Nassif, na sua opinião um achacador, um inepto, um banana.

Não tenho uma opinião totalmente formada sobre nenhum dos dois, mas simplesmente não gosto do tipo de jornalismo que faz o Diogo e do seu egocentrismo. Na verdade acho ele um chato.

Mas o que me assustou mesmo na coluna citada é que para ele (ou para o seu ego), blogueiro é diminutivo de jornalista.

Afirmo, caro Diogo Mainardi e outros ilustres formadores de opinião da grande imprensa, blogueiro só é “jornalistazinho” na tua opiniãozinha!

Se, por um acaso, existem jornalistas blogueiros, ótimo! Também existem designers blogueiros, publicitários blogueiros, engenheiros blogueiros, donas de casa blogueiras e até vovozinhas blogueiras. A democratização dos ambientes de informação, representada especialmente pela web, permite hoje que qualquer pessoa possa participar, emitir opinião, publicar e gerar todo o tipo de conteúdo. As pessoas agora podem ser protagonistas e não mais aceitar silenciosamente a opinião de meia-dúzia (essa meia-dúzia é verdadeira) de iluminados que escrevem nos grandes veículos da mídia impressa. Os blogs são apenas a principal ferramenta colaborativa desse enorme fenômeno. Os blogueiros são aqueles que se utilizam dessa ferramenta.

Os blogs são, de fato, a cauda longa da indústria de informação.

Vivemos hoje a expectativa de acessar informação de graça, com credibilidade, sobre todos os assuntos e a qualquer momento. Dessa forma, ao mesmo tempo em que a circulação dos jornais e periódicos segue em queda livre, os blogs se apresentam como a alternativa real para os novos modelos de comunicação.

Mesmo na nossa internet ainda tupiniquim, a blogosfera cresce em relevância e detém audiência qualificadérrima, forma opinião e já é mídia com várias redes de blogs formadas. As marcas mais antenadas do Brasil já produzem campanhas que provavelmente considerem a revista Veja, mas também possuem uma estratégia de mídia e conteúdo para a blogosfera.

Incrível que o informado escritor e articulista Diogo Mainardi repita por ignorância o mesmo erro histórico da cadeia de televisão CBS e seu programa 60 minutos, que, nos Estados Unidos, em 2004, patrulhavam os “weblogs” e se referiam pejorativamente aos responsáveis como “jornalistas de pijama”.

O final dessa história muita gente conhece, venceram os blogueiros, que, por meio de uma rede colaborativa de informações, provaram em poucas horas a falsidade dos documentos sobre o serviço militar do presidente George W. Bush (candidato à reeleição à época) apresentados pela CBS num programa de setembro daquele ano e abalaram a credibilidade da grande rede americana de TV.

Se o Diogo quiser patrulhar o presidente Lula e seus companheiros, outros políticos, empresários corruptos e alguns jornalistas, ok. Mas deixa a blogosfera fora dessa.

Blogs, Diogo Mainardi, você ainda vai ter um!

Cesar Paz




X